Educação no trânsito é tema nas unidades da Fundhas

A Fundação Hélio Augusto de Souza, em parceria com a Secretaria de Mobilidade Urbana, iniciou as ações do “Maio Amarelo” sobre conscientização e segurança no trânsito. 

Com a mãozinha da gentileza, a equipe de educação para o trânsito e agentes da mobilidade orientaram de forma lúdica e divertida as crianças e adolescentes das unidades do Alto da Ponte (região norte) e do Putim (região sudeste). A iniciativa contou também com a participação de artistas da Fundação Cultural Cassiano Ricardo (FCCR).  

Atenção e cuidado, é o que Emerson Correa sempre tem ao atravessar a rua. Aos 14 anos, o garoto conta que a ação é muito importante para conscientizar outros adolescentes, de acordo com ele, muitos colegas de turma não se preocupam com o assunto. 

Já Ketlen Stefany, também de 14 anos, reforçou a necessidade de pedestres e motoristas respeitarem a sinalização. A jovem ainda disse que ficou mais atenta após a irmã sofrer um acidente ao atravessar a rua. “O sinal estava vermelho para o motorista, mas ele não parou e ela ficou machucada”, relata.

As ações do “Maio Amarelo” se estendem a todas as unidades da Fundhas até o dia 28, e tem como objetivo reduzir o número de acidentes de trânsito com abordagens educativas que envolvem toda a sociedade. Para reforçar a importância do assunto, os prédios da instituição também foram decorados com laço na cor campanha.

Acompanhe mais notícias de São José dos Campos (SP) em nossas redes sociais. Instagram: @cidadaojoseenseoficial. Facebook: Cidadão Joseense.