Programas estimulam moradores a cuidar da natureza

Nove milhões de reais foram economizados com as contas de água da Prefeitura de São José dos Campos (SP) nos últimos três anos e meio. Esse é um dos muitos exemplos do cuidado e preocupação com o Meio Ambiente. Essa economia foi possível depois que a administração pública aderiu ao Programa Pura, da Sabesp, em 2017.

O verbo cuidar, rotineiramente, é um dos mais conjugados pela Secretaria de Manutenção da Cidade. Conjugado e transformado em ações. O trabalho da manutenção da cidade é como arrumar a casa, tem serviço todos os dias, seja na preservação das ruas e avenidas, na coleta do lixo, na reciclagem ou no zelo com as praças. Tudo faz parte do nosso Meio Ambiente.

Durante todo ano a SMC também mantém programas que estimulam a participação da população, para ajudar a proteger nossos recursos naturais como os rios, as árvores, a água e a vegetação.

Praças

Um deles é o programa Adoção de Praças. A parceria permite que o morador adote uma área verde e cuide dela seguindo padrões específicos. Atualmente 68 praças e canteiros de São José estão nas mãos de empresas e moradores. O programa incentiva a adoção dessas áreas que tanto embelezam nossa cidade.

Outra ação que chama o joseense para contribuir com o ambiente, são as coletas seletivas e orgânicas em toda cidade e zona rural. O funcionamento ininterrupto dos PEVs (Pontos de Entrega Voluntária) é também outro investimento para que ninguém descarte seus resíduos e entulhos em qualquer lugar. Os PEVs abrem todos os dias, inclusive aos domingos e feriados. As centenas de lixeiras espalhadas pelo município pedem que cada cidadão, no seu dia a dia, não jogue lixo na rua. É questão de cidadania.

Exemplo

O tamanho da Praça Aldo Pires, na Região Sul, é semelhante ao cuidado que o metalúrgico aposentado Reinaldo da Silva Rabelo, de 70 anos, tem por ela. É nessa área grande que ele passa horas rastelando as folhas derrubadas pela ventania. Foi assim que nós conhecemos o senhor Reinaldo: na praça, varrendo.

Com um rastelo ele vai juntando a sujeira e depois coloca tudo em sacos. Não importa se é segunda ou domingo. Todo dia é dia de limpar um pouco a praça, auxiliando, voluntariamente, o trabalho de varrição mantido pela Secretaria de Manutenção da Cidade.

Questionado se ele se considera um agente ambiental, ele ri e diz que acha que sim. “Para mim não é só uma distração, é uma satisfação ver tudo limpo”. Há 40 anos na mesma casa, tem a praça como parte da família. E ela tem ajudado a consolar o coração do aposentado, que perdeu a esposa há um mês, depois de tratar um câncer.

Reinaldo não é só exemplo de responsabilidade e cuidado com o meio ambiente. É também um incentivo, para que cada um faça a sua parte em favor da natureza que tanto nos dá.

Acompanhe mais notícias de São José dos Campos (SP) em nossas redes sociais. Instagram: @cidadaojoseenseoficial. Facebook: Cidadão Joseense.