Governo de SP amplia atendimento em Libras para serviços de empregabilidade e segurança

Programa São Paulo São Libras, lançado no mês de outubro, está presente em 1,4 mil delegacias do estado.

O Programa São Paulo São Libras, lançado em outubro, expandiu seu alcance para 20 Polos de Empregabilidade Inclusiva (PEIs) e 233 Postos de Atendimento ao Trabalhador (PATs) em diferentes regiões do estado. A iniciativa possibilita que equipes de serviços estaduais acionem intérpretes de Libras por videochamada, facilitando a comunicação com pessoas com deficiência auditiva.

Coordenado pelo Governo de São Paulo por meio Secretaria dos Direitos da Pessoa com Deficiência, o programa vai implementar uma Central de Interpretação de Libras em todos os órgãos públicos estaduais para viabilizar atendimento inclusivo, na Língua Brasileira de Sinais, a aproximadamente 590 mil pessoas com deficiência auditiva que vivem nos 645 municípios paulistas.

Inicialmente, a Central foi estabelecida em cerca de 1,4 mil delegacias em parceria com a Secretaria da Segurança Pública. Agora, com o apoio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, o São Paulo São Libras está disponível em 20 PEIs e 233 PATs.

“A implementação em todos os serviços estaduais está sendo feita gradualmente, de forma que todas as equipes conheçam o programa e sua funcionalidade. É um trabalho que conta com a participação de todas as pastas estaduais, com mapeamento de seus equipamentos e muito diálogo para a viabilização da plataforma seja feita de forma eficaz”, destaca o secretário de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Marcos da Costa.

“A expansão deste programa para os PEIs e PATs é um passo muito importante em direção à inclusão. Melhorar a comunicação nos serviços públicos, como nos postos com vagas de trabalho, vai facilitar o acesso de pessoas com deficiência auditiva e dar a elas maior oportunidade de mudar suas vidas. Essa iniciativa segue as diretrizes do governador Tarcísio para um governo com diálogo, desenvolvimento e dignidade”, reforça a secretária executiva de Desenvolvimento Econômico, Juliana Cardoso.A Central de Interpretação de Libras é um serviço de tradução simultânea, realizado por intérpretes de Libras via videochamada em tempo real, que promove a comunicação inclusiva entre pessoas surdas e funcionários de serviços estaduais, como hospitais e delegacias. Na prática, o intérprete conversa em Libras com a pessoa surda e transmite, em português, as informações da conversa ao servidor.Conforme o andamento da implementação, todos os servidores estaduais recebem um tutorial que ensina a utilizar o sistema e solicitar a tradução de um intérprete. A Central opera 24 horas por dia, todos os dias da semana, e conta com uma equipe de aproximadamente cem intérpretes de Libras habilitados e experientes na interpretação simultânea entre Libras e português, contratados por meio de parceria com a organização da sociedade civil AME-SP.

Sobre os PEIs
Os Polos de Empregabilidade Inclusiva (PEIs) integram o programa Meu Emprego Inclusivo, fruto de parceria entre as secretarias estaduais dos Direitos da Pessoa com Deficiência e de Desenvolvimento Econômico. O programa promove o desenvolvimento profissional, a inclusão e a permanência de pessoas com deficiência no mercado de trabalho por meio dos Polos.

Sobre os PAT
Os Postos de Atendimento ao Trabalhador (PATs) são uma rede de atendimento do Governo do Estado de São Paulo que concentra serviços gratuitos à população, sendo centros de referência das políticas públicas de geração de emprego e renda. Os PATs contam com mais de 230 unidades, presentes em todas as regiões do estado, inclusive em unidades do Poupatempo. Em 2022, foram ofertadas mais de 257 mil vagas de empregos nas unidades dos PATs no estado.

Fonte: Governo do Estado de São Paulo.

Acompanhe mais notícias de São José dos Campos (SP) em nosso Instagram: @cidadaojoseenseoficial.